Manhattan



Em seu clássico Manhattan, o fabuloso Woody Allen vive um escritor divorciado, que tem problemas com sua ex-esposa. Em meio a uma aventura amorosa com uma garota de 17 anos, ele acaba por se sentir atraído por uma mulher mais madura, que é amante do seu melhor amigo.

O filme é de 1979, e se passa, obviamente, em Manhattan, cenário de inúmeros filmes de Woody Allen. Sua paixão pela cidade é tanta, que a própria acaba por se tornar personagem. É como se a história e a cidade estivessem entrelaçadas, como se o enredo simples fosse recheado por uma Manhattan espetacular. A cidade deixa de ser apenas um cenário e entra na história.


Além da cidade maravilhosa e da fotografia perfeita, uma das coisas que mais chamam atenção no filme é a sutileza das personagens, personalidades marcantes, porém que não precisam de muitos exageros. E também o conteúdo dos diálogos, que, diferentemente da maioria dos filmes de bilheteria atuais (nada contra), são inteligentes e bem elaborados.


Com total certeza, Manhattan é um dos meus filmes favoritos. Poderia assistir a esse filme todos os dias e nunca me cansar. Eu me comprometi a assistir todos os filmes de Woody Allen em 2012. Porém decidi estender o prazo até a minha morte (supondo que eu morra de velhice, é claro). Motivo: Faltam-me alguns megabits de velocidade e bastante tempo. 


Bom, espero que gostem do filme!

3 comentários:

Ahasa, Gata! disse...

vou procurar ver, amo filmes desse genero \õ
http://ahasagata.blogspot.com/

Antonia Chevallier Sundrani disse...

Acredita que eu ainda não assisti esse filme?? Já tinha vontade de ver, depois desse post, estou mais louca pra assistir ainda! hahah
Beijos!

Ann;
Vinte & Poucos
Facebook

Lídia disse...

Assistam sim, vale muito a pena!